sexta-feira, junho 30, 2006

# LXXXVI - No outro lado...



(Em Ponte de Lima, Maio de 2006)

Quem assistiu ao filme sobre Che Guevara - Diários de Motocicleta - lembra-se, certamente, da canção do uruguayo Jorge Drexler que venceu o Óscar e tudo!

É uma canção excepcional. Adequada à luta do revolucionário Ernesto e, muito particularmente, às nossas pequenas (ou não) lutas diárias...

---<-@

Al Otro Lado del Río - Jorge Drexler


Clavo mi remo en el agua

Llevo tu remo en el mío

Creo que he visto una luz al otro lado del río


El día le irá pudiendo poco a poco al frío

Creo que he visto una luz al otro lado del río


Sobre todo creo que no todo está perdido

Tanta lágrima, tanta lágrima y yo, soy un vaso vacío


Oigo una voz que me llama casi un suspiro

Rema, rema, rema-a

Rema, rema, rema-a


En esta orilla del mundo lo que no es presa es baldío

Creo que he visto una luz al otro lado del río


Yo muy serio voy remando muy adentro sonrío

Creo que he visto una luz al otro lado del río


Sobre todo creo que no todo está perdido

Tanta lágrima, tanta lágrima y yo, soy un vaso vacío


Oigo una voz que me llama casi un suspiro

Rema, rema, rema-a

Rema, rema, rema-a


Clavo mi remo en el agua

Llevo tu remo en el mío

Creo que he visto una luz al otro lado del río

---<-@

Fica uma amostra, para conhecer ou recordar...



2 comentários:

Isa disse...

Tens o blog bem controlado...:)

A foto está lindissima. Não consegui ouvir a canção do filme, que adorei e da qual não me lembro...mas vou voltar para tentar novamente.

Bjs e bom fim de semana.

TsiWari disse...

Olá Isa.

Obrigado pelo comentário.

Acho que o segredo para se ouvir é clicar em cima do _play_, com o botão esquerdo do rato, duas vezes consecutivas e não apena uma...

bfs para ti tb ***