quarta-feira, junho 28, 2006

# LXXXII - be-dom


(Deles, do site)


(Do site deles)

Já cá andam desde 1999, quando se estrearam num teatro de rua, em Valongo.

No site explicam muitas razões para o nome do grupo. Acrescentaria que aquele DOM tem também a ver com Alta Qualidade. Com o que de melhor se reserva para os deuses - D.O.M. – Abreviatura da frase latina Deo Optimo Maximo (Para Deus o máximo, o melhor).
São requisitadíssimos para tudo quanto é evento digno de assim se chamar.

Os be-dom são muito mais que um simples um grupo de percussão (e diferente, que recorre a imensos materiais alternativos, desde bidões a garrafas, de latas a brinquedos, ...).
São teatrealidade (!!) viva. Interagem com o público de uma forma fantástica e põem cada elemento da assistência a mexer-se, a entregar-se ao som, ao ritmo, à gargalhada.

Procurem conhecer. Obrigatório!
No site, de muito bom gosto, podem saber por onde andam.
Aqui, ficam já duas referências de actuação :

-> 10 Julho - Levanta-te e Ri, na SIC
-> 17 Julho - Portugal no Coração, na RTP1

Mas, e acreditem, ao vivo e a cores são SOBERBOS!
Como não disponho de gravação dos be-dom, deixo um exemplo do que eles fariam com outra alegria mas igualmente bem:


4 comentários:

Abelha disse...

ADORO!...
Eu tenho acompanhado o grupo e, portanto, falo com conhecimento de causa: OS GAJOS SÃO MESMO BONS!!! Vale realmente a pena conhecer e dar a conhecer os be-dom. Estamos a falar, inconfundivelmente, de boa cultura musical. Portuguesa. :)

Bzz***

TsiWari disse...

Oh abelhinha... e nada me dizes da minha incursão no latim?????





***

Beija-Flor disse...

Também eu tenho acompanhado os Be-Dom. Muito Bons!!!!

AnaCristina disse...

Vou vasculhar o site deles...
merci.