segunda-feira, fevereiro 05, 2007

# CLXXXVI - A propósito de deficiências


(Uma bailava, só... Janeiro de 2007)


Um dos meus poetas/pensadores preferidos é o espantoso Mário Quintana, que já por aqui fui referindo. Hoje partilho com quem me vai lendo o chamado Dicionário de Quintana:




"Deficiente"
É aquele que não consegue modificar sua vida, aceitando as imposições de outras pessoas ou da sociedade em que vive, sem ter consciência de que é dono do seu destino.


"Louco"
É quem não procura ser feliz com o que possui.


"Cego"
É aquele que não vê seu próximo morrer de frio, de fome, de miséria. E só tem olhos para seus míseros problemas e pequenas dores.


"Surdo"
É aquele que não tem tempo de ouvir um desabafo de um amigo, ou o apelo de um irmão. Pois está sempre apressado para o trabalho e quer garantir seus tostões no fim do mês.


"Mudo"
É aquele que não consegue falar o que sente e se esconde por trás da máscara da hipocrisia.


"Paralítico"
É quem não consegue andar na direcção daqueles que precisam de sua ajuda.


"Diabético"
É quem não consegue ser doce.


"Anão"
É quem não sabe deixar o amor crescer.


E, finalmente, a pior das deficiências é ser miserável, pois "Miseráveis" são todos que não conseguem falar com Deus.

"A amizade é um amor que nunca morre."

(Mário Quintana)




---<-@



Para acompanhar este texto, nada melhor do que o tema Wings, de Gustavo Santaollala:


9 comentários:

mairim disse...

ta tudo dito

deep disse...

Boas definições, sem dúvida. O tema musical foi bem escolhido.

Boa semana.

bell disse...

Só verdades! É bom reflectirmos nisto. O egoísmo, o egocentrismo, a falta de caridade por exemplo, são algumas das maiores deficiências dos nossos dias.

Anónimo disse...

Dear boss
Fixei uma ideia, a importância da amizade...um amor pode desaparecer, mas uma grande amizade fica para sempre.
A música...muito bonita, não conhecia:)

TsiWari disse...

mairim : é mesmo isso. Duma forma simples, MQuintana diz muito... Bem vinda a este espaço! ***

deep : boa semana para ti tb! ***

bell : são mesmo. Só que o autor consegue dizê-lo duma forma única! ***

anônimo/rosa : quem dera que asim seja. A música fazia parte duma banda sonora EXCELENTE (não foi por acaso que ganhou o óscar para melhor Original Soundtrack) - a do Brokeback Mountain. ***

Anónimo disse...

"Anão"
É quem não sabe deixar o amor crescer.

Rosa dos Ventos disse...

Sou ou estou completamente miserável.
Deixei de falar com Ele!
Zanguei-me... ;((

Sofia disse...

É por essas e por outras que Quintana é um dos meus favoritos. Na minha mesa de trabalho tenho um pequeno poster com uma de suas frases: "HOJE é outro dia".
Abraços,

TsiWari disse...

rosa dos ventos : todos nós temos momentos assim. Verás que o retomarás ;)

sofia : é também uma grande verdade essa.

***