domingo, abril 30, 2006

# VII - E lá vem o Maio...




Uma das tradições cá do burgo prende-se com o primeiro dia de Maio.

Reza a tradição que, em todas as portas e alfaias agrícolas, deve estar apensa uma flor (assaz frequente nesta altura e, muito apropriadamente, chamada Maia) quando Abril se despedir e deixar Maio nascer.

Se tal não acontecer, nas casas entrará um cavaleiro montado num belo cavalo branco que levará consigo as crianças da casa, alguns dizem que directamente para o Inferno, e o ano agrícola será desastroso.

Sem estes receios, mas procurando não deixar cair no esquecimento certas tradições, lá fomos apanhar as Maias para embelezar as portas da casa.

Curiosidade : e porque será que isto se está alastrando aos camiões? É cada vez mais comum ver-se camiões com estas flores, nestes dias...

2 comentários:

Graça disse...

Os meus pais diziam que se não pusessemos uma maia em todas as portas e janelas, entrava o carrapato.
E eu, inocente, no dia 1 de manhã la ia ver se morava alguma amiga minha nas casas onde não havia maias. E saber se não tinham sido mordidas. Santa ignorãncia...
Beijinhos.
Gostei do texto!

ana rosa disse...

na minha terra,santiago de subarrifana,diziam k se não coloca-se as maias á porta entrva um carrapato e fazia chichi na cama e eu como não keria a cama com chichi ainda as coloco onde me ensinaram-sou muito bem mandada.